sexta-feira, 2 de junho de 2017

Paisagem sem Numerox, n.1(Para Isabella Rollim)

Antártida. Montanhas gelícidias
emagrerecem: mar-Balofêu
eia-Avança, antes
que o demônio acorde.

Nua a moça espera o alunício
da nave, seu ventre jóvine branquêa historóças do além-Ar, breu que havia fugiu,
depois que o deus em cada Ser
Azuleceu.

Acima delas esferas quênias
Sereias adejam libertas
do calabouço dos pássaros
que vieram beber na vésper Antiga,

e Mesirênio - o profeta - confirma:
a pedra Angólica desperta
com terra pela cintura,
"room 101" mostrando a jovem despida
entre dois griphos de mármore________

no céu de Incêndio uns urubus-jereba
se benzem, por cima do milharal,

e a tarde pousa as ceroulas
mesmo no espaço entre meus Pés.


quinta-feira, 1 de junho de 2017

Requiem Inacabado para São João Marcos 1944, e não só.(Ou uma Guernica morta por Afogamento. Dedicado ao sr. Aldeyr Pereira. E dedicado a Luciana Moraes, nove Infinitos meses)

I - REQUIEM

Antonces. De tarde -
as tribos rubras Vidrilham gritos
por entre nacos de nuvens,
na malta abaixo o Espantê é geral________

II - KYRIE

...como se enfim se acendesse
a gente Intêr que não há mais nos cadernos de música 
a pata das Constelações________ também Sumiu
do campo de visão da janela 
o livro do Cesário Verde
levando a Palavra ao rio,
isso é DE NOVO sombrúrio
sobre os ombros do Gólgota desde hora sexta
até a nona________

III - DIES IRAE

"...teeenho seeeede..." e sobre minha capa
lançaram sortes, ainda que houvesse ali ao menos
um centurião que Visse haver maldade da Grossa
no pleno do ésse-tê-éfe_________

IV - TUBA MIRUM

e tudo ALI, não se vê mas ESTÁ 
no campo de visão da janela,

V - REX TREMENDAE

...por isso mundo Vidrilha, gritos panáikos
e a malta Espanta de ver coiserume de Tudo

VI - RECORDARE

...ir goela Abaixo dela serra
do Rola Moça. Que lá muuuito Atrasmente
não tinha esse nome Não.
-----------------------------------------------------
(Para se ler ouvindo o "Miserere",
do compositor barroco mineiro
Manoel Dias de Oliveira)

domingo, 28 de maio de 2017

Poemininho

Deixa-me estar contigo
junto aos êxtases dos pianos,
entrar pela varanda de teus braços
onde a Lua se perde em Espelhos,
onde águas retumbam,

onde Voa a lícia aranha cinza
e suas véstias de noivados... e Quêremais?
Sete pássaros de amor no quarto ao lado,
deixa que nos entrem as janelas
de nossas almas_________

deixa-me bordar como esta aranha
os fados - que nos Encontrem,
nos entrelacem corações e pernas,

nos levem
onde templários somente em sonhos
andarilharam...

sábado, 27 de maio de 2017

N.5

Detrás aquela aura paúra,
tanto d'Além, arárvores
dele último cabrôcho e Enigma -

gavetas-Décadas na vênus do catalão,
o próximo flaxflu será na décima-quarta 
lua de Saturno, enquanto jorge
é reformado por tempo de serviço
na lua de Cá_________

atrás 
da gênese, e dos quintais
o Semeador traz esferas e cubos,
evém pião
guarimú.

N.4

Jurás de borboletas e cacimbas,
padim Cíço me Diz
que renasc-ERÊ-i delas nuvens,
firmamento dos pássaros_________

de novo Erão
quando horizonte for história de Cantar,
e eu durma o sono da criança que Fui,
catatau das Esferas,
das planícies.

Cada átomo do meu corpo
já foi estrela-Confim
vidência à la cubos púrpuras,
infância às tendas de Quedar_________

que Enorme a moça me Chegue,
mãos dele-Tudo...

N.3

Olhei paredes por Tudo,
que os emboçôs eram Irene,
e Futúreos. Sem energia
para as braçadas de volta à praia...

eu nem porém não pensara
em tão milhór grão-Desfecho,
mas faz-de-conta
foi capengando pros Quintos__________

nunca fui Nada, e mais de-Agora
é tudo um Bró-2017, evém:

catira da Besta, cristo falso dos mares,
com a pata
do Dragão no ombro.

N.2

Pancrácia à noite - mutuca
de caça à beça, mas temporã,
horizonte: chegança de juraçã,
mãe d'água enxuta, 
caximbís manguando à perna
catatau, dos infernos...

Palhoça:
desesperança e desgraça, conversa
pra boi-de-chifre.

No pátio Imensa imundície, um bicho
catando entre os detritos(Bandeira VIU)
o de-Comê_________

             - MUTUCA -

em meio ao pó dos concretos
em meio à cinza nas árvores 
em meio ao NÓ no horizonte ONDE
caranguejolas do meu
futuro igual Bangu carampeão brasileiro
de futebol  - no pátio é Imenso

esse mais Nada de quem morrendo 
ainda arrisca não sei quantas Mortes...